Cuidados e Dicas para tratar os Cabelos oleosos - Altostima
alto stima,alto estima,auto stima,auto estima,capilar,cabelo,cabelos,tricologia,tricologista,Sandra Assis Maia,Alopecia,Saúde,Saúde Capilar,saude,Alopecia Androgenética,Alopecia Areata,SCA,Sistema Capilar,Tratamento contra queda,Hair,Implante Capilar,Efluvio Telógeno,Doenças Capilares,careca,calvo,queda de cabelo,tricoscopia,terapia ortomolecular,ortomolecular,Especialista em cabelos,Saude do cabelo,cabelos caindo, tratamento de queda de cabelo,calvice
17203
post-template-default,single,single-post,postid-17203,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,overlapping_content,transparent_content,qode-theme-ver-11.1,qode-theme-bridge (child),wpb-js-composer js-comp-ver-4.11.2.1,vc_responsive

Cuidados e Dicas para tratar os Cabelos oleosos

Ter cabelos oleosos não é para os fracos: é preciso muita dedicação para mantê-los sempre bonitos, livres de caspa e longe do risco de queda dos fios. No entanto, é possível combater a oleosidade capilar de várias formas, inclusive com a mudança de alguns hábitos diários que, de tão arraigados, você nem percebe como são prejudiciais às suas madeixas.

Por isso nós resolvemos separar alguns cuidados e dicas para cuidar dos cabelos oleosos e deixá-los mais bonitos e saudáveis que nunca. Mas atenção, porque alguns deles podem mexer profundamente no seu dia a dia. Preparada para começar?

dicas para cuidar dos cabelos oleosos

Dê adeus aos banhos quentes

Falar isso no inverno é quase um sacrilégio, mas se você não quer que seus cabelos cheguem ao final do dia grudados na cabeça com aquele aspecto sujo, comece a se doutrinar a respeito de lavar os cabelos com banhos mais frios.

O excesso de oleosidade ocorre quando as glândulas sebáceas produzem uma quantidade de oleosidade maior do que a necessária – e acontece que quanto maior a temperatura (da água, do ar) mais elas são estimuladas. Os fios ficam mais sensíveis e a camada hidrolipídica do couro cabeludo fica completamente desregulada.

Uma dica é ir se educando aos poucos: comece tomando banhos cada vez menos quentes até que consiga tomar completamente frio. Além dos cabelos, eles trazem outros benefícios para a saúde, como a redução dos riscos de alergias e dermatites.

lave os cabelos com banhos mais frios

Use o shampoo certo para cabelos oleosos

usar o shampoo certo para o seu tipo de cabelo é fundamental para a saúde capilar. Além disso, a cada 15 dias faça um detox com os shampoos de limpeza profunda e esfoliantes, seguidos por uma máscara hidratante intensiva para repor os nutrientes e a hidratação.

Mas atenção, como a limpeza profunda pode retirar nutrientes essenciais ao couro cabeludo, a área vai entender que precisa produzir mais oleosidade para suprir essas necessidades. Por isso não exagere na dose, usando os produtos apenas a cada duas semanas.

Cabelos oleosos também podem usar finalizador

Sim, podem, mas aposte nos produtos corretos, mais uma vez. Quem sofre com oleosidade capilar deve usar os finalizadores do tipo leave-in mais leves e fluidos, que selam e protegem os fios. Os outros tipos podem deixar os fios ainda mais pesados e com aparência de sujo – mesmo que estejam limpíssimos.

Invista em um bom shampoo a seco

Que tal fazer dele seu melhor amigo? Nunca ouviu falar? O shampoo a seco é muito usado pelas modelos nos bastidores das passarelas, ele “limpa” os fios transformando o visual dos cabelos oleosos. No entanto, é bom ficar ligada que ele é apenas um paliativo, porque na verdade não promove nenhuma limpeza real, apenas livra você de ficar com os cabelos feios quando não dá tempo de lavá-los. Deixe-o sempre na bolsa para não passar nenhum aperto, mas, mais uma vez, não exagere: seu uso excessivo pode deixar os fios rígidos e opacos.

Invista em um bom shampoo a seco

Mantenha os cabelos soltos

No inverno eles aquecem e são um charme, no verão nos protegem do sol. Só que para quem tem cabelos oleosos os chapéus são um perigo. Por isso evite boinas, bonés, chapéus e lenços que impedem a ventilação do couro cabeludo. Abafado, a tendência é produzir ainda mais sebo. Da mesma forma evite hábitos que incentivam a produção de óleo, como passar muito as mãos pelos cabelos ou escová-los com frequência.

Mantenha os cabelos soltos e evite os cabelos oleosos

Fique longe das chapinhas e afins

Se a ideia é evitar as temperaturas altas que estimulam a oleosidade capilar, então é imperativo ficar longe das chapinhas, secadores muito quentes e qualquer aparelho que estimule a produção de óleo. Se o uso de um deles for absolutamente indispensável, não esqueça de aplicar um protetor térmico antes.

Fique longe das chapinhas e afins

Procure um tricologista

Ao criar esses hábitos saudáveis para seus cabelos você estará dando passos importantes para evitar o excesso de oleosidade – mas não estará cuidando de dentro para fora. Na verdade, estará apenas evitando que o problema se agrave, mas não cuidando da causa.

Para isso, é fundamental a consulta a um tricologista, o especialista em cabelos. Ele, e apenas ele, poderá identificar se a oleosidade está sendo causada por algum desequilíbrio químico ou nutricional no seu organismo. Nesse caso, o melhor tratamento é a tricologia associada à terapia ortomolecular, que ataca o problema através da suplementação com minerais e vitaminas.

descubra como deixar seus cabelos oleosos muito mais bonitos e saudáveis!

Por outro lado, experts como os da Alto Stima também associam esse tratamento ao uso de produtos tópicos exclusivos e de fabricação própria. Assim você conta com linhas especialmente desenvolvidas para o seu tipo de cabelo, cuidando dos fios e do couro cabeludo de fora para dentro e de dentro para fora.

Marque agora mesmo uma pré-consulta sem compromisso e descubra como deixar seus cabelos oleosos muito mais bonitos e saudáveis!

Veja também estes outros artigos